segunda-feira, 31 de outubro de 2011

Caminho passado

Caminho marcado na água logo se desfaz.
Não deixa vestígios.
E o que deixa pra trás?
Ilusões?
Estas não são reais.
Prefiro olhar para a frente e para cima.
O que ficou pra trás passou.
Um pouco mais eu, a cada passo.
Menos desembaraços.
São segredos submersos em ilusões que não mais enganam, divertem.